STAE cria equipa central de supervisão do recenseamento

Numa clara admissão de que estava despreparado para o elevado número de problemas, STAE criou uma equipa de supervisão do recenseamento eleitoral.

A equipa central de monitoria e avaliação tem por objectivo de controlar todas as operações e assegurar o aprovisionamento do material junto das brigadas do recenseamento eleitoral.

A equipa vai, igualmente, explicar aos brigadistas sobre os documento que devem ser aceites para o recenseamento.

Segundo o director do Secretariado Técnico de Administração Eleitoral (STAE), Felisberto Naife, esta equipa vai tentar evitar os constantes problemas que tem se verificado nos postos de recenseamento.

A equipa é constituída por pessoas do departamento de recenseamento e sufrágio, técnicos informático e outros quadros de nível central e provincial.

“Nós ao nível do orgão eleitoral central decidimos criar uma equipa de supervisão em todas as 43 autarquias juntamente com os orgãos locais para podermos acompanhar de perto o processo de recenseamento e voltarmos a explicar sobre os documentos necessários para se recensear”, explicou.

Deixar uma resposta